FGV desmascara robôs bolsonaristas pró Moro no Twitter

Compartilhe agora

Reportagem da Veja publicada nesta sexta-feira (12) traz dados de um estudo da Fundação Getulio Vargas mostrando que boa parte do apoio que o ex-juiz Sérgio Moro recebe no Twitter vem de robôs ou perfis falsos.

Desde que as matérias do Intercept Brasil e parceiros levaram Moro à berlinda, os robôs vêm subindo hashtags em apoio ao ministro.

Mas a FGV mostra que centenas de milhares de postagens foram provavelmente feitas por robôs. Uma quantidade considerável dessas mensagens veio do Irã. Lá da terra dos aiatolás houve o disparo de hashtags como #glenncomproumandato, #somostodosmoro e #pavaomisteriosovoltou.

LEIA TAMBÉM
E-farsas desmonta pavão misterioso do bolsonarismo

Como apoios no Oriente Médio ao ex-juiz são pouco plausíveis, a hipótese de que esses perfis sejam robôs é, segundo os especialistas, a mais aceitável.

Resumindo, o exército bolsonarista nas redes sociais é fake, assim como as informações que eles distribuem.

Com informações da Veja.