Faustão aconselhou procuradores da Lava Jato através de Moro

Compartilhe agora!

Os novos diálogos entre o ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sérgio Moro, e procuradores da Lava Jato divulgados hoje (5) pela revista Veja revelam que a preocupação da força-tarefa com a comunicação para a opinião pública era constante.

De acordo com a reportagem, em 7 de maio de 2016, Sérgio Moro comenta com Deltan Dallagnol que o apresentador da TV Globo, Fausto Silva (Faustão), aconselhou os procuradores do MPF a utilizarem uma “linguagem mais simples” nas entrevistas e coletivas.

LEIA TAMBÉM:
Em novos diálogos vazados, Veja aponta promiscuidade entre Moro e Dallagnol

Segundo o relato do então juiz, o apresentador o cumprimentou pelo trabalho na Lava-Jato, mas deu um conselho: “Ele disse que vcs nas entrevistas ou nas coletivas precisam usar uma linguagem mais simples. Para todo mundo entender. Para o povão. Disse que transmitiria o recado. Conselho de quem está a (sic) 28/anos na TV. Pensem nisso”.

Procurado pela VEJA, Faustão confirmou o encontro e o teor da conversa entre ele e Moro.

Compartilhe agora!