Delegado da Polícia Federal vai presidir a Funai

Compartilhe agora

Já que Bolsonaro não conseguiu tirar a demarcação de terras indígenas da Funai e mandar para a Agricultura, ele resolveu a parada colocando um ruralista na presidência da Funai.

LEIA TAMBÉM
Dallagnol pode ser atirado ao mar para salvar Moro

O Diário Oficial da União publicou a nomeação do delegado da Polícia Federal Marcelo Augusto Xavier da Silva para o comando da Fundação Nacional do Índio (Funai) vinculada ao Ministério da Justiça.

Segundo o Estadão, Xavier agrada a bancada ruralista. Em 2017, ele chegou a pedir à Polícia Federal que tomasse “providências persecutórias” contra indígenas e ONGs no Mato Grosso do Sul, que atuassem para entrar em propriedades rurais envolvidas em litígios por ocuparem terras demandas pelos povos guarani e caiová.

Ou seja, mais soja e mais gado; menos florestas e menos índios.

Com informações do Estadão.