Sinais, fortes sinais…

Publicado em 18 maio, 2019
Compartilhe agora!

1 – O que fez Bolsonaro divulgar hoje um texto atirando em todas as instituições e na política, dobrando a aposta no “rompimento com o sistema”? Suas posições azedaram de vez a relação com o Congresso.

2 – Tudo indica que a radicalização tresloucada segue a velha tática de guerra de criar um inimigo imaginário para desviar a atenção do problema real.

3 – O problema real é a quebra do sigilo fiscal da família Bolsonaro. Um laranjal de grandes proporções pode estar a caminho. As suspeitas de conexões com as milícias podem ganhar materialidade. Nós só suspeitamos, mas eles sabem o que fizeram no verão passado.

4 – Dólar subindo e Bolsa em alta. O que o mercado já sabe que a patuleia não tem conhecimento? Quem está lucrando com estas operações?

5 – Renúncia não parece fazer parte do cardápio do Capitão. Seu isolamento cresce a cada dia. Lobão foi mais um a engrossar o coro dos arrependidos. A questão é: se não renuncia e dobra a aposta no enfrentamento/rompimento, que setores sociais estariam dispostos a embarcar no caminho da radicalização?

6 – Qual o objetivo final do tal “rompimento”? Um poder soberano e autoritário por cima das instituições?

A hora é de muita luta, firmeza, serenidade e conversa com o povo. Momento exige muita amplitude e união de democratas de diferentes espectros ideológicos. Não se trata de exagero. O texto divulgado pelo presidente não deixa dúvida: a democracia corre perigo.

Compartilhe agora!