Por Esmael Morais

Podemos vai ao STF para que Coaf fique com Sérgio Moro

Publicado em 29/05/2019

O Podemos entrou com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) nesta quarta-feira (29) para garantir que o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) permaneça no Ministério da Justiça e Segurança Pública, pasta comandada por Sérgio Moro.

Na ação, os advogados da legenda argumentam que o Congresso Nacional não poderia modificar o texto da medida provisória 870 (reforma administrativa do governo) porque caberia somente ao Planalto dispor sobre a administração pública federal e a organização dos órgãos.

LEIA TAMBÉM:
Maia promete votação da Previdência até começo de julho

O Senado confirmou ontem (28) o texto que a Câmara aprovou transferindo o Coaf para o Ministério da Economia.

A ação será relatada pelo ministro Edson Fachin.