Por Esmael Morais

Manifestação no dia 26 é para defender Flávio Bolsonaro

Publicado em 18/05/2019

Crescem os rumores nas redes sociais de que o verdadeiro motivo da manifestação dos bolsonaristas, no dia 26 de maio, é para defender o senador Flávio Bolsonaro (PSL), filho do presidente, que teve esta semana o sigilo bancário quebrado pela Justiça.

Bolsonaro acredita que a investigação de Flávio é para atingi-lo mortalmente, portanto, subentende-se, defender o presidente é defender Flávio.

Para mobilizar sua milícia virtual, o capitão então decidiu compartilhar o texto em que sugere o fechamento do Congresso e do Supremo Tribunal. Além, é claro, de atacar as corporações militares, religiosas, industriais, comerciais, etc.

O jornalista Tales Faria, no Uol, acredita que o presidente disseminou o texto golpista como senha para chamar a horda às ruas em defesa de seu filho em apuros. Entretanto, alerta o articulista, o tiro pode sair pela culatra bolsonarista.

LEIA TAMBÉM
Coletes amarelos nas ruas da França pelo 27º sábado seguido

Faria recorda que Fernando Collor de Mello, nos anos 90, rogou aos colloridos [espécie de bolsonaristas da época) que os defendesse das denúncias de seu irmão Pedro. Pediu que seus apoiadores saíssem às ruas de verde-amerelo, mas, ao contrário, as praças foram tomadas por multidões que vestiam preto.

Pelo sim pelo não, os zumbis bolsonaristas estão ensandecidos neste sábado (18). Não param de subir hashtags em favor de Bolsonaro e até o próprio Coiso agradeceu aos robôs.

“Tomei conhecimento e agradeço imensamente a todos pela hashtag #BolsonaroNossoPresidente, que chegou a nível mundial no Twitter. Retribuo e ressalto que somente com o apoio de todos vocês poderemos mudar de vez o futuro do nosso Brasil!”