Por Esmael Morais

PSL isola deputada que denunciou ameaças e protege ministro do Turismo

Publicado em 16/04/2019

O partido do presidente Bolsonaro está tentando “blindar” o ministro do Turismo do Laranjal, Marcelo Álvaro Antonio. A deputada Alê Silva (PSL-MG), que denunciou ameaças de morte feitas pelo ministro, está sendo isolada dentro da legenda e na bancada da Câmara.

LEIA TAMBÉM: Ministro do Turismo entra na marca do pênalti após ameaça a deputada

A deputada foi removida do grupo de WhatsApp do PSL pelo presidente da legenda, Luciano Bivar. Só que ela afirma ter saído há dois meses. “Infelizmente, nosso nobre presidente não teve o prazer de me excluir” disse a deputada à Folha de S. Paulo.

Para ela, o Partido já escolheu o lado do ministro e o presidente Luciano Bivar nem quis ouvi-la sobre o caso.

Com informações da Folha e do Buzzfeed.