Preço do combustível explode nas bombas e greve de caminhoneiros mais próxima

O preço da gasolina subiu pela quinta semana consecutiva e o litro do combustível custa até R$ 5 nos postos Brasil afora.

O etanol (álcool) também vem disparando nas bombas e os cenários políticos nacional e internacional tendem a aumentar ainda mais o produto.

Além da explosão no preço da gasolina e do álcool, o diesel também sofre com os humores do dólar e da cotação internacional do petróleo — dois fatos que explicam a gangorra na bomba de abastecimento.

LEIA TAMBÉM
A burguesia sente no ar o cheiro da liberdade de Lula

Sempre é bom lembrar que os trabalhadores recebem seus salários em real, mas pagam pelos combustíveis (inclusive gás de cozinha) em moeda norte-americana.

O diabo é que o aumento no preço dos combustíveis deixa a greve nacional de caminhoneiros cada vez mais próxima. No último fim de semana, em Curitiba, por exemplo, os profissionais da estrada fizeram um ato para aquecer a grande paralisação prevista para maio.