Mentor dos Bolsonaro e de Trump, Steve Bannon diz que Papa Francisco é inimigo

O estrategista que levou Donald Trump à Casa Branca e mentor dos Bolsonaro, Steve Bannon disse que o Papa Francisco é uma espécie de inimigo.

Bannon aconselhou o ministro do Interior italiano, Matteo Salvini, a atacar o Papa sobre a questão da migração.

LEIA TAMBÉM: Ministro do Turismo entra na marca do pênalti após ameaça a deputada

“Bannon aconselhou o próprio Salvini que o papa atual é uma espécie de inimigo. Ele sugeriu, com certeza, atacar frontalmente”, disse o jornal inglês The Guardian, citando declaração de um representante Liga Anti-imigração da Itália.

Bannon critica as advertências do Papa sobre os movimentos populistas ressurgentes. “Você pode ir ao redor da Europa e é [o populismo] pegando fogo e o Papa está completamente errado”, disse Bannon.

Com o mais recente ataque de Bannon ao Papa, como ficam os cristãos da família brasileira que apoiaram Bolsonaro?

Via Brasil 247.

Comentários encerrados.