Por Esmael Morais

Lula e Dilma serão os primeiros ‘julgados’ na Comissão de Anistia, informa Damares

Publicado em 03/04/2019

A ministra Damares Alves quer que a Comissão de Anistia analise primeiro os casos dos ex-presidente Lula e Dilma, ambos do PT. Segundo a ministra, os casos vão servir de exemplo para os seguintes.

A Comissão de Anistia que julga as indenizações pagas pelo Governo em casos de violação dos direitos humanos está no “guarda chuva” do ministério da Mulher, Família, e Direitos Humanos; comandado por Damares.

Ela afirmou à coluna Radas da Revista Veja que os casos dos petistas devem ser julgados em até duas semanas. O governo Bolsonaro quer revisar todas as indenizações pagas aos perseguidos pela ditadura militar.

Damares escolheu o advogado João Henrique Nascimento de Freitas, com histórico de atuação contra anistiados, para presidir a Comissão.

Freitas é um dos autores da ação popular que suspendeu o pagamento da indenização para 44 camponeses que foram vítimas de tortura durante a guerrilha do Araguaia.

Ele foi assessor do então deputado Jair Bolsonaro. Agora ele é assessor da vice-presidência.

Com informações da Veja e do CGN.