Por Esmael Morais

Governo Bolsonaro propõe salário mínimo sem aumento real para 2020

O projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) apresentado nesta segunda-feira (15) pela equipe econômica do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) estabelece que o valor do salário mínimo em 2020 será de R$ 1.040, um aumento de R$ 42 em relação aos atuais R$ 998. LEIA TAMBÉM: Gleisi Hoffmann: Banco Central Independente de quem?

Publicado em 15/04/2019

O projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) apresentado nesta segunda-feira (15) pela equipe econômica do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) estabelece que o valor do salário mínimo em 2020 será de R$ 1.040, um aumento de R$ 42 em relação aos atuais R$ 998.

LEIA TAMBÉM:
Gleisi Hoffmann: Banco Central Independente de quem?

A nova regra define que não haverá aumento real do salário mínimo. Ele será corrigido apenas pela inflação medida pelo Índice Nacional do Preços ao Consumidor (INPC).

A proposta representa uma mudança em relação ao modelo de reajuste do mínimo implantado nos governos do PT, que considerava não apenas a inflação do ano anterior, mas também o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos antes.

Com informações do Uol