Por Esmael Morais

Defesa se diz surpreendida e pede adiamento de julgamento de Lula

Publicado em 23/04/2019

O advogado Cristiano Zanin Martins, da defesa do ex-presidente Lula, afirma que foi surpreendido com o julgamento do recurso de seu cliente nesta terça (23).

Segundo o defensor do petista, no começo da noite de ontem eles [advogados] estiveram em audiência com o relator do caso, ministro Felix Fisher, e não ficaram sabendo da pauta de hoje.

Com base no princípio da não surpresa, que é um dos pilares da ampla defesa, Zanin poderá pedir o adiamento do exame do recurso que pede a liberdade de Lula.

LEIA TAMBÉM
CCJ da Câmara fará sessão “casada” com STJ, que poderá soltar Lula

De acordo com o advogado, a defesa do ex-presidente Lula não foi intimada da realização do julgamento e tampouco recebeu ou qualquer informação nas diligências que realizaram ontem ao longo do dia no Tribunal.

“Houve um comunicado à imprensa no final do dia. Isso não me parece adequado diante da garantia constitucional da ampla defesa e das nossas prerrogativas profissionais”, reclama Cristiano Zanin Martins.