Por Esmael Morais

Centrais sindicais unidas em defesa da Previdência no 1º de Maio

As centrais sindicais – CUT, Força Sindical, CTB, UGT,  Nova Central, Intersindical, CSB, CGTB e CSP-Conlutas, em conjunto com as frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo, preparam em São Paulo um 1º de Maio Unificado em defesa da Previdência. Neste ano, as organizações unificaram suas atividades

Publicado em 14/04/2019

As centrais sindicais – CUT, Força Sindical, CTB, UGT,  Nova Central, Intersindical, CSB, CGTB e CSP-Conlutas, em conjunto com as frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo, preparam em São Paulo um 1º de Maio Unificado em defesa da Previdência.

Neste ano, as organizações unificaram suas atividades em um único local: a Praça da República, no centro da capital paulista. O evento tem início às 10h, com apresentações artísticas e culturais. Em breve serão divulgados os artistas e a programação completa. A tarde será realizado o ato político.

As entidades sindicais e os movimentos sociais organizam o Dia Internacional de Luta dos Trabalhadores (as) tendo como eixo central a luta contra a reforma da Previdência proposta por Jair Bolsonaro  (PSL) que, se aprovada, irá impedir o direito à aposentadoria para a maioria dos brasileiros.

As organizações também trazem como bandeiras deste 1º de Maio a defesa dos direitos trabalhistas, por Lula Livre, a luta por emprego, direitos sociais, democracia e soberania nacional.

Além da capital, outros atos estão previstos no estado de São Paulo.

Serviço
1º de Maio Unificado das Centrais Sindicais
A partir das 10h
Praça da República – Centro de São Paulo

*Com informações da CUT