Abraham_Weintraub_velez

Agora vai: Bolsonaro demite Vélez e anuncia especulador na Educação

Publicado em 8 abril, 2019
Compartilhe agora!

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) anunciou hoje a demissão de Ricardo Vélez Rodríguez e a nomeação do novo ministro da Educação, Abraham Weintraub, economista com experiência em especulação financeira.

Vélez caiu por incompetência administrativa frente ao MEC. Durante sua curta estada no Ministério, o colombiano colecionou polêmicas e atritos com o guru Olavo de Carvalho.

LEIA TAMBÉM
Vox Populi: Reforma da previdência de Bolsonaro é reprovada por 65%

Abraham Weintraub é formado em Ciências Econômicas pela Universidade de São Paulo (1994) e mestre em administração na área de finanças pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Ele é professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e atuou no mercado financeiro por mais de 20 anos.

Na iniciativa privada, o novo ministro da Educação trabalhou no Banco Votorantim por 18 anos, onde foi economista-chefe e diretor, e foi sócio na Quest Investimentos.

Ricardo Vélez Rodríguez durou menos de 100 dias no cargo. Ele foi o segundo ministro a cair em 98 dias de governo. O primeiro a sair foi Gustavo Bebianno, ex-ministro da Secretaria-Geral da Presidência.

Compartilhe agora!