Gleisi critica investigação contra magistrados que participaram do “boa noite, presidente Lula”

A presidente do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PR), usou o Twitter neste domingo (24) para criticar a decisão do corregedor nacional de Justiça, Humberto Martins, de investigar magistrados que participaram do ato “boa noite, presidente Lula”, na noite da quinta-feira (21), na vigília Lula Livre, em Curitiba.

LEIA TAMBÉM:
Em Curitiba, formandos da Unespar pedem Lula Livre; assista

“O CNJ disse q vai investigar os juízes q estiveram na vigília Lula Livre pelo boa “noite Lula”. Mas ñ faz nenhum comentário sobre o juiz Bretas ir para posse de Bolsonaro c/ Witzel em avião da FAB, e inúmeras outras manifestações dele e de Moro nas redes sociais. Difícil!”, escreveu a dirigente do PT na rede social.

Na sexta-feira (22), Humberto Martins afirmou que o CNJ está levantando informações sobre a participação dos magistrados no ato público pró-Lula, realizado em Curitiba desde o primeiro dia da prisão política do ex-presidente.

“Vamos verificar se houve transgressão ao previsto na Loman e no Código de Ética da Magistratura para, posteriormente, instaurar os pedidos de providências”, disse o corregedor.

Comentários encerrados.