Por Esmael Morais

Expurgo: “Sou persona não grata”, diz Frota sobre relação com governo

Publicado em 14/03/2019

O deputado Alexandre Frota (PSL-SP) tornou público nesta quinta-feira (14) o descontentamento do governo com congressistas do PSL que criticam episódios como o de Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro (PSL-RJ).  Frota foi o primeiro expurgo parlamentar do governo bolsonarista.

Segundo Frota, Jair Bolsonaro está descontente com ele e o aviso foi feito por seu filho Flávio. “Hoje encontrei com Flávio Bolsonaro. Ele me confirmou que o pai está chateado comigo. Foi a 3ª pessoa que veio dar o recado. Ok, recado dado”, escreveu em seu perfil no Twitter.

ALEXANDRE FROTA @alefrotabrasil

Hoje encontrei o @FlavioBolsonaro ele me confirmou que o Pai ficou chateado comigo foi a terceira pessoa que veio me dar o recado. Ok recado dado @jairbolsonaro

Pela manhã, Frota havia afirmado ter sabido que é “persona não grata [sic] no governo por ter se manifestado contra Queiroz. Ele chegou a dizer em plenário que “laranja podre deve ser esmagada”.
Frota foi o primeiro expurgo parlamentar do governo bolsonarista.
*Com as informações do Poder 360