Por Esmael Morais

Bolsonaro pode cair, diz The Economist

Publicado em 28/03/2019

A revista britânica “The Economist” — por favor, Bolsominions, não confundam com “The Comunist” — afirma que o presidente Jair Bolsonaro pode cair ao lembrar que dois de 4 mandatários brasileiros sofreram impeachment anteriormente.

A publicação relata que estão surgindo evidências de que a família Bolsonaro está ligada a membros de um grupo criminoso de ex-policiais do Rio de Janeiro acusado do assassinato da ativista Marielle Franco.

LEIA TAMBÉM
MP do Paraná se manifesta contrário a comemoração do golpe de 1964

The Economist avalia que Bolsonaro dissipou seu capital político ao pedir que as Forças Armadas comemorassem o golpe de 1964 no próximo dia 31 de março. Além disso, registra a paralisação da reforma da previdência após do ex-ministro Moreira Franco, sogro de Rodrigo Maia, presidente da Câmara, na semana passada.

O astrólogo e guru do presidente da República, Olavo de Carvalho, também foi evocado pela revista como uma figura “obscura” que fica a espezinhar o vice-presidente general Hamilton Mourão, que é tratado como “elemento chave” no governo pela disciplina política.

A revista The Economist — frisa-se, não é The Comunist! — insinua que o mandato de Bolsonaro pode não chegar ao fim. A publicação britânica, no entanto, não colocou prazo para o capitão cair. Mas, como já anotado aqui, é questão de tempo…