Bolsonaro jura não saber motivo de nervosismo de Maia; pergunte para Moro

O presidente Jair Bolsonaro (PSL), do Chile, jurou neste sábado (23) não fazer ideia do motivo do nervosismo do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que lhe devolveu a articulação da reforma da previdência.

Maia mandou Bolsonaro sair do Twitter e assumir a articulação política da aprovação da reforma da previdência, bem como começar a governar o país.

LEIA TAMBÉM
Bolsonaro ‘lava as mãos’ e empurra a Previdência para o Congresso

“O Rodrigo Maia, nunca o critiquei. Nas mídias sociais eu não o critiquei. Não sei por que ele, de repente, ele está se comportando dessa forma um tanto quanto agressiva”, dissimulou Bolsonaro a jornalistas.

Se o presidente da República não sabe o motivo, ora bolas, por que não pergunta ao ministro da Justiça, Sérgio Moro?

Maia saiu da caixinha depois que o sogro dele, ex-ministro Moreira Franco, foi preso juntamente com Michel Temer na quarta-feira (21). O presidente da Câmara vê armação da lava jato para salvar o moribundo governo Bolsonaro e a própria força-tarefa.

Comentários encerrados.