Bolsonaro defende que policiais matem em serviço

Publicado em 5 março, 2019
Compartilhe agora!

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) usou o Twitter nesta terça-feira (5) para defender que o Congresso aprove leis que garantam aos agentes de segurança a condição de matar para “defender a população e resgatar a paz”.

LEIA TAMBÉM:

Paraíso da Tuiuti levanta a Sapucaí com críticas sociais bem-humoradas

“Palavras minhas: é urgente que o Congresso aprecie matérias para que os agentes de segurança pública ou não, usem da letalidade para defender a população, caso precisem e estejam amparados por lei para que possamos resgatar a paz diante do terror que vivemos em todo Brasil”, escreveu o presidente na rede social.

A mensagem de Bolsonaro foi uma resposta a um tuíte do juiz Marcelo Bretas, da Lava Jato no Rio, no qual afirma que “em determinadas circunstâncias, a POLÍCIA DEVE usar a força e eventualmente até mesmo MATAR

O magistrado, por sua vez, reagiu a um tuíte publicado pela jornalista Mônica Bergamo, da Folha. Ela compartilhou uma reportagem do UOL que mostra que 64% das pessoas mortas pela PM de SP em 2018 eram pretas ou pardas.

Compartilhe agora!