Por Esmael Morais

Padre Roque, do PT, morre aos 79 anos no Paraná

Publicado em 17/02/2019

O ex-deputado federal do PT do Paraná, Padre Roque Zimmermann, morreu neste domingo (17) aos 79 anos de idade.

Um dos principais nomes do Partido dos Trabalhadores (PT) no município de Ponta Grossa, Padre Roque foi candidato a prefeito em 1992 e em 1994 foi eleito deputado federal.

Em 2002, o sacerdote petista disputou o governo do Estado quando obteve 17% dos votos válidos cujo pleito foi vencido por Roberto Requião (MDB). Roque Zimmermann acabou nomeado secretário de Estado do Trabalho na gestão do emedebista.

“Faleceu meu amigo, petista raiz, Padre Roque Zimmermann. Exemplo de vida e militância”, lamentou hoje Requião.

Em nota, o deputado Enio Verri (PT-PR) afirmou que o sacerdote foi de um aguerrido militante em defesa dos direitos humanos. “Enfrentou a Ditadura Militar, denunciando o autoritarismo, os sequestros, as torturas e as mortes de quem era contra o regime”, testemunhou o parlamentar petista.

“Triste com a morte do Padre Roque. Lutador das causas sociais e da educação. Um grande companheiro. Solidariedade à família e amigos”, disse a deputada Gleisi Hoffmann (PT-PR), presidenta nacional da agremiação.

O PT do Paraná decretou luto por três dias pela morte de Padre Roque Zimmermann.