Por Esmael Morais

México e Uruguai promovem conferência para discutir situação da Venezuela

Publicado em 01/02/2019

Os governos do México e do Uruguai estão convocando uma conferência internacional para discutir a situação da Venezuela para o dia 7 de fevereiro em Montevidéu. A informação foi dada pela chancelaria uruguaia que comunicou que mais de 10 países devem participar.

Os dois governos, “em virtude da posição neutra que ambos adotaram frente a Venezuela, decidiram organizar uma conferência internacional com representantes dos principais países e organizações internacionais que compartilharam esta posição diante desta situação”, diz o texto.

No comunicado, os governos do Uruguai e do México alertam que o objetivo da conferência “é lançar as bases para estabelecer um novo mecanismo de diálogo que, com a inclusão de todos as forças venezuelanas, ajudam a restaurar a estabilidade e a paz naquele país “, respondendo ao apelo do Secretário-Geral das Nações Unidas, António Guterres.

México e Uruguai não reconheceram o líder da oposição e líder do parlamento, Juan Guaidó, que se proclamou presidente da Venezuela no dia 23 de janeiro, e decidiu continuar reconhecendo Nicolás Maduro como presidente do país.