Manifestantes protestam contra a morte de jovem em supermercado

Uma manifestação foi realizada na tarde deste domingo (17) em frente ao supermercado Extra na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, em protesto contra a morte de Pedro Henrique Gonzaga. O jovem negro, de 25 anos, morreu após ser agredido com um “mata leão” por um segurança do estabelecimento na última quinta-feira (15).

O movimento negro e diversos outros movimentos sociais estiveram presentes no protesto, que foi realizado no estacionamento do supermercado.

Cartazes e faixas com dizeres como “Vidas negras importam”, “Minha cor não é um crime” e “Não consigo respirar” foram utilizados na manifestação.

Em São Paulo, Sergipe e Pernambuco também aconteceram protestos contra a morte do jovem em frente a unidades do Extra.

As manifestações foram convocadas por meio das redes sociais.

Assista:

Comentários encerrados.