Por Esmael Morais

EUA promove campanha paga contra Venezuela no Facebook para ajudar Guaidó

Publicado em 25/02/2019


Sob o lema #EstamosUnidosVE , o Departamento de Estado do governo dos EUA lançou uma campanha publicitária na rede social Facebook em apoio às ações inconstitucionais tomadas pelo deputado da Assembleia Nacional (AN) em desacato, o deputado golpista Juan Guaidó.

A estratégia de publicidade mostra a proteção da administração dos EUA ao desenvolvimento do golpe e encoraja os usuários da plataforma digital a “unirem-se à liberdade , à democracia e ao presidente interino Juan Guaidó”.

A mensagem, transmitida como publicidade do Departamento de Estado na página inicial do Facebook, diz que o “crescimento” do apoio da comunidade internacional para com o povo venezuelano, supostamente representado na figura do líder do partido de extrema Vontade Popular (VP).

Lançada no sábado (23), a publicação tem as digitais do Departamento de Estado dos EUA e é acompanhada por uma fotografia com a inscrição “53 nações reconhecem Juan Guaidó como presidente interino da Venezuela”.

A ação visa apoiar a tese de “governo paralelo” para derrubar o governo legítimo do Presidente da República da Venezuela, Nicolás Maduro.

*Com informação da AVN/Foto: Facebook