Em terceira carta, MEC desiste de vídeos com Hino Nacional

Publicado em 28 fevereiro, 2019
Compartilhe agora!

Em mais um recuo, o ministro da Educação Ricardo Vélez Rodriguez enviou uma terceira carta às escolas de todo o país desistindo do pedido de filmagem dos alunos cantando o Hino Nacional.

LEIA TAMBÉM: Base aliada de Bolsonaro se desmancha na Câmara

A confusão começou na segunda-feira (25) com uma primeira mensagem enviada MEC pedindo que fosse lida uma mensagem do ministro aos professores e alunos, cantado o Hino, filmado e enviado ao MEC.

A mensagem terminava com o slogan de campanha de Bolsonaro: “Brasil acima de tudo. Deus acima de todos!”.

As reações negativas ao pedido do ministro foram tão fortes, que uma segunda mensagem foi enviada, retirando o slogan. Agora, numa terceira mensagem, o ministro desistiu da filmagem.

A justificativa foi técnica, mas a mancada não.

Compartilhe agora!