Corrente petista quer liberdade de Lula como prioridade do partido

A corrente majoritária do PT, Construindo Um Novo Brasil (CNB), vai encaminhar neste sábado (9) à Executiva Nacional do partido uma resolução que aponta a campanha “Lula Livre” como prioridade absoluta da legenda para o próximo período.  

LEIA TAMBÉM:

Recado do Lula: governo aprofunda desigualdade e não resolve problemas do povo

“Vamos levar para a Executiva que o PT dê prioridade total à campanha ‘Lula Livre’. Nossos quadros vão rodar o Brasil. Fernando Haddad vão rodar o Brasil. Nossos governadores vão se engajar. Vamos articular isso com movimentos sociais, artistas e a sociedade”, disse Marcio Macedo, um dos vice-presidentes do PT.  

Além disso, a CNB vai defender hoje, na reunião da Executiva, que o PT explicite que é um partido de oposição ao governo Jair Bolsonaro (PSL). 

A corrente majoritária também vai defender que a próxima direção do PT seja eleita por voto direto.  

A CNB, da qual fazem parte o ex-presidente Lula, Fernando Haddad e a presidente da sigla, Gleisi Hoffmann, é a maior corrente interna do PT e detém mais da metade dos cargos do Diretório Nacional da legenda. 

ASSISTA AO VÍDEO:

Comentários encerrados.