Candidatura laranja do PSL que recebeu R$ 400 mil vira jogo de empurra federal

O presidente do PSL, Luciano Bivar, e o ministro da
Secretaria-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, então promovendo um “jogo de empurra” sobre a candidatura laranja do partido.

LEIA TAMBÉM: PSL de Bolsonaro criou candidatura laranja para desviar R$ 400 mil

Bebiano negou ter dado a ordem para que os R$ 400 mil de dinheiro público fosse repassado a uma candidata laranja do Pernambuco.

Bivar tinha empurrado para Bebiano a responsabilidade do repasse suspeito.

Maria de Lourdes Paixão, concorreu a deputada federal em Pernambuco e teve apenas 274 votos. Mas ela foi a terceira maior beneficiada com verba do PSL em todo o país recebendo R$ 400 mil em dinheiro público para a campanha.

Agora a confusão vai contaminando o governo federal.

Comentários encerrados.