Bolsonaro pedalou R$ 606 bilhões em cima dos velhinhos. Impeachment ou não vem ao caso?

Publicado em 13 fevereiro, 2019
Compartilhe agora!

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) promoveu na última sexta-feira (8) a maior de todas as pedaladas já havidas no Brasil: a tungada de R$ 606 bilhões na previdência pública, ou seja, um ataque criminoso contra os velhinhos.

A presidenta Dilma Rousseff (PT) sofreu impeachment em 2016 porque, segundo denúncia da época, realocou recursos do orçamento – sem autorização do Congresso – para o programa Minha Casa Minha Vida.

LEIA TAMBÉM

Bolsonaro retira R$ 600 bilhões dos velhinhos para dar aos bancos

Bolsonaro agora decretou a transferência de R$ 606 bilhões, também sem autorização do parlamento, para o pagamento de “encargos financeiros”, isto é, juros para os felizes banqueiros.

A questão é: construir casas para o povo não pode e tirar dinheiro de velhinhos, viúvos e órfãos para dar aos bancos privados pode?

A pedalada de Bolsonaro é motivo de impeachment ou não vem ao caso, senhores congressistas?

Compartilhe agora!