Bolsonaro comunica envio de “ajuda humanitária” à Venezuela; acompanhe ao vivo

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) comunicou na noite desta sexta (22), via Twitter, o envio de “ajuda humanitária” à vizinha Venezuela.

O diabo é que Nicolás Maduro rejeitou a “ajuda” do capitão reformado, bem como dos EUA e da Colômbia.

LEIA TAMBÉM
Em Caracas, mobilização total no ‘dia D’ contra guerra e pela soberania da Venezuela

Para o governo venezuelano, a “ajuda humanitária” seria uma senha para os três países os agridam em virtude de o vizinho caribenho possuir a maior reserva de petróleo do mundo.

O autointitulado presidente da Venezuela, Juan Guaidó, auxiliado pela “trinca”, promete uma sublevação neste sábado (23). O leitor poderá acompanhar ao vivo pelo Blog do Esmael.

ACOMPANHE AO VIVO:

Comentários encerrados.