Villas Bôas agradece Dilma e PT por nomeação no comando do Exército

Publicado em 11 janeiro, 2019
Compartilhe agora!

O comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, agradeceu à presidenta Dilma Rousseff e ao senador eleito Jaques Wagner (ex-ministro da Defesa) pela nomeação no cargo que deixou nesta sexta (11).

Por sua vez, o presidente Jair Bolsonaro também agradeceu a Villas Bôas dizendo que o então comandante do Exército era o responsável por ele [Bolsonaro] “estar aqui” [na Presidência da República].

Se Villas Bôas agradeceu ao PT pelo cargo e Bolsonaro agradeceu ao general pelo cargo, logo Bolsonaro só é presidente por obra e graça de petistas.

O general Edson Leal Pujol é o substituto de Villas Bôas no comando do Exército.

Além de agradecimentos daqui e ali, houve ainda “rasgação de seda” na cerimônia de transmissão de cargo que ocorreu no Clube do Exército, em Brasília.

Villas Bôas encheu a bola de Michel Temer, que o manteve no cargo, e de Sérgio Moro, pelo suposto combate à corrupção.

Compartilhe agora!