Petistas querem reeditar “coletes amarelos” no Brasil

Publicado em 7 janeiro, 2019
Compartilhe agora!

Os principais caciques do PT redobraram as atenções para os protestos contra o governo Emmanuel Macron, na França, comandados pelos conhecidos “coletes amarelos”.

Os petistas acreditam que podem reeditar o movimento no Brasil, sem as centrais sindicais, para conter as agendas de retrocesso do governo Jair Bolsonaro (PSL).

O partido avalia que os sindicatos lutam pela sobrevivência material e por isso irão se dedicar exclusivamente aos trabalhadores contratados dentro da formalidade (registro em carteira).

“Cerca de 60 milhões de brasileiros estão no grupo dos desempregados, desalentados, subutilizados e informalizados”, afirmou ao Blog do Esmael uma graduada fonte do PT.

Ou seja, os petistas apostam que o k-suco vai ferver nos próximos meses.

Compartilhe agora!