Maia e Freixo devem bater chapa nesta sexta pela presidência da Câmara

O presidente da Câmara Rodrigo Maia (DEM-RJ) deverá ter como principal oponente nesta sexta (1º), quando tentará a reeleição, o deputado Marcelo Freixo (PSOL-RJ).

O candidato do PSOL se apresenta como anti-Bolsonaro e pode ganhar o apoio do PT, a maior bancada isolada na Câmara.

LEIA TAMBÉM

Haddad debocha de ministros de Bolsonaro

Até agora são sete pré-candidatos ao cargo, mas poderão haver desistências de última hora.

Além de Freixo e Maia, considerados os principais na disputa, ainda se dizem candidatos os seguintes deputados: Fábio Ramalho (MDB-MG) , Ricardo Barros (PP-PR),
General Peternelli (PSL-SP), todos avulsos, pois suas respectivas bancadas ou não fecham questão ou anunciaram voto em Maia.

No terceiro pelotão ainda tem João Henrique Caldas (PSB-AL) , o JHC, e o General Peternelli (PSL-SP).

O dia de amanhã, na Câmara, será reservado para a posse de eleitos e reeleitos e articulação de blocos partidários, que determinarão a participação das legendas nas comissões internas; a eleição para a presidência da Casa deverá ter início por volta das 18 horas.

O leitor do Blog do Esmael poderá acompanha aqui, em tempo real, mais essa eletrizante disputa.

Comentários encerrados.