Por Esmael Morais

Investigações indicam que deputada sofreu tentativa de latrocínio, diz governador do Rio

Publicado em 16/01/2019

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), afirmou nesta quarta-feira (16) que as investigações da Polícia Civil indicam que o ataque contra a deputada Martha Rocha (PDT-RJ), ocorrido no último domingo (13), na Zona Norte da cidade do Rio de Janeiro, foi uma tentativa de latrocínio.

LEIA TAMBÉM:
Deputada Marta Rocha foi alvo de atentado no Rio

“A polícia tem fortes indícios de que se trata de uma tentativa de latrocínio. Um dos autores já foi identificado”, disse Witzel

O governador relatou que, segundo indicativos, o grupo responsável pelo atentado também teria participado de pelo menos outros cinco roubos na região.

A parlamentar, que foi a primeira mulher a chefiar a Polícia Civil do Estado, teve o seu carro atingido por tiros quando ia a uma missa com sua mãe.

Com informações da Agência Brasil