Por Esmael Morais

Flávio Bolsonaro Lula da Silva, segundo Reinaldo Azevedo

Publicado em 24/01/2019

A questão do filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL), o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), é um escândalo tanto para a esquerda quanto para a direita. Que o diga o jornalista Reinaldo Azevedo, Folha/Bandnews FM, que se diz de direita.

Azevedo chama à razão leitores/ouvintes ao comparar a questão do “garoto” de Bolsonaro com os petistas. “Imagina se Flávio tivesse sido eleito pelo PT e tivesse o sobrenome Lula da Silva”, estimula o polêmico jornalista.

LEIA TAMBÉM

Globo leva “chifrada” de Bolsonaro até em Davos

Para o comunicador e boa parte da mídia, se o juiz Sérgio Moro, Deltan Dallagnol, Raquel Dodge, enfim, a lava jato, dessem o mesmo tratamento os Bolsonaro estariam presos e o ex-presidente Lula estaria no Palácio do Planalto.

Há fortes suspeitas de que o filho do presidente da República tem relações com milicianos presos acusados de matar a vereadora Mairelle Franco (PSOL-RJ).

O Coaf também aponta que o dinheiro movimentado por Flávio Bolsonaro pode ter outra origem, além de salários de funcionários fantasmas da Assembleia Legislativa do Rio, qual seja, o crime organizado da Cidade Maravilhosa.