Por Esmael Morais

Polícia realiza busca e apreensão em sede da Ancine no Rio

Publicado em 19/12/2018


A polícia cumpre nesta manhã desta quarta-feira (19) busca e apreensão na sede da Agência Nacional do Cinema (Ancine ), no Rio de Janeiro, para recolher computadores, HDs, livros contábeis e outros itens utilizados por cinco integrantes da entidade, incluindo seu presidente, Christian de Castro.

Um dos servidores sobre os quais recai a ordem é o advogado Marcos Tavolari, ligado ao ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, e que atua como secretário de Direitos Autorais e Propriedade Intelectual no MinC (Ministério da Cultura

A ordem foi expedida pela 5ª Vara Criminal Federal do Rio. Os autos do processo correm em sigilo. Mas, segundo o mandado, o Poder Judiciário está atrás de valores em dinheiro e também requisitou os registros das câmeras de segurança do órgão.

*Com informações do UOL