Empresa da família Ratinho é alvo de ação policial no Paraná

A maldição de ex-assessor também atingiu nesta segunda-feira (10), no Paraná, a família do apresentador Ratinho.

Um assessor do governador eleito do Paraná, Ratinho Junior (PSD), chamado Lourival Aparecido Pavão, foi preso na manhã desta segunda-feira (10) pela Operação “Mustela” do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado).

LEIA TAMBÉM
Militares querem explicação ‘convincente’ de Bolsonaro sobre ex-assessor citado pelo Coaf

“Mustela” é um gênero de mamífero popularmente conhecido como “furão”.

Pavão ocupava cargo em comissão no gabinete do Ratinho Junior (PSD), que era deputado estadual. Em agosto, o assessor foi transferido para a 1ª vice-presidência da Assembleia Legislativa do Paraná, ocupada pelo deputado Guto Silva (PSD), indicado para a chefia da Casa Civil pelo governador eleito.

De acordo com o Ministério Público, o assessor do governador eleito participa de um suposto esquema de propina entre médicos e empresários para furar a fila do Sistema Único de Sáude (SUS).

A empresa Solumedi da família de Ratinho estaria envolvida no esquema criminoso, segundo o Gaeco.

De acordo com propaganda do próprio Ratinho, a empresa realiza agendamento para atendimentos médicos. O apresentador do SBT até já fez propaganda para a companhia.

Assista ao vídeo:

Comentários encerrados.