Ex-assessor de Flávio Bolsonaro deve depor nesta sexta-feira

Fabrício José Carlos de Queiroz, ex-motorista e ex-assessor do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL), filho do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), está sendo esperado nesta sexta-feira (21) no Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) para prestar o seu depoimento.

LEIA TAMBÉM:
Flávio Bolsonaro põe culpa no mordomo, ops!, no ex-assessor por movimentação atípica

O depoimento de Queiroz era para ter acontecido na última quarta-feira (19), mas não aconteceu porque, segundo seus advogados, ele teve uma “inesperada crise de saúde e estaria em atendimento para a realização de exames médicos de urgência, acompanhado de sua família”.

Se comparecer hoje para depor, o ex-assessor do filho do presidente eleito terá a difícil missão de explicar para o MP de onde veio os R$ 1, 2 milhões que movimentou entre janeiro de 2016 e janeiro de 2017.

Existe a suspeita de que Queiroz seja o “laranja” da família Bolsonaro em um esquema de apropriação de salários de funcionários, inclusive fantasmas, que estavam lotados nos gabinetes Jair e Flávio Bolsonaro.

Comentários encerrados.