Bolsonaro visita Silvio Santos e anuncia corte de publicidade na Globo

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), definitivamente, escolheu a Globo como alvo a ser abatido pelo seu governo.

Após visitar o dublê de apresentador e dono do SBT, Silvio Santos, o capitão reformado do Exército anunciou corte de R$ 2,5 bilhões em publicidade e patrocínio.

LEIA TAMBÉM
Globo reclama e passa recibo de abandono de Bolsonaro

A guilhotina atinge em cheio a emissora dos Marinho que sobrevive, necessariamente, de patrocínios da Caixa no futebol.

“Tomamos conhecimento de que a Caixa gastou cerca de R$ 2,5 bilhões em publicidade e patrocínio neste último ano. Um absurdo! Assim como já estamos fazendo em diversos setores, iremos rever todos esses contratos, bem como os do BNDES, Banco do Brasil, SECOM e outros”, escreveu Bolsonaro no Twitter.

Foi o presente de Bolsonaro para Silvio Santos, que completou 88 anos de idade.

Portanto, vem aí a publicidade ideológica e religiosa. É preciso uma propaganda sem partido.

Comentários encerrados.