Bolsonaro quer aprofundamento da reforma trabalhista

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) afirmou nesta terça-feira, 4, em reunião com bancada emedebista na Câmara, que pretende aprofundar a reforma trabalhista do ilegítimo Michel Temer (MDB).

LEIA TAMBÉM:
‘Reforma’ da previdência de Bolsonaro será ainda pior que a do vampirão Temer

Para o presidente eleito, “é horrível ser patrão no Brasil”.

“Quero cumprimentar quem votou na reforma trabalhista. Devemos aprofundar isso daí. Ninguém mais quer ser patrão no Brasil, é horrível ser patrão no Brasil com essa legislação que está aí”, disse o “Coiso”.

Bolsonaro se reuniu hoje em Brasília com parlamentares do MDB e do PRB.

Com informações de O Globo

Comentários encerrados.