Por Esmael Morais

Azedou a maionese do ‘amigo secreto’ dos Bolsonaro

Publicado em 19/12/2018

Fabrício Queiroz, o ex-assessor milionário de Flavio Bolsonaro (PSL), não foi ao Ministério Publico do Rio de Janeiro depor nesta quarta-feira (19) por “questões de saúde”.

Essa foi a justificativa dos seus advogados.

Além disso, eles disseram que “houve pouco tempo para analisar os autos”.

No início da tarde de hoje, os advogados comunicaram que “seu cliente teve ‘inesperada crise de saúde’ e estaria em atendimento para a realização de exames médicos de urgência, acompanhado de sua família”.

Só não disseram de quem era a “família”. Dele, Queiroz, ou do presidente eleito.

Pelo jeito a maionese do “amigo secreto” azedou…

De acordo com o MPRJ, o depoimento de Queiroz ficou para sexta-feira (21).

Com informações do GZH.