Decisão inédita: Justiça dá 48 horas para Richa prestar contas; e agora?