A lava jato vai quebrar a Petrobras

Compartilhe agora!

O ex-juiz Sérgio Moro deu no pé da lava jato antes de a força-tarefa quebrar a Petrobras.

Acionistas minoritário também querem um quinhão da estatal de petróleo. Eles foram encorajados pelo acordo da companhia que pagou R$ 10 bilhões aos fundos abutres, dos Estados Unidos, a título de ressarcimento de prejuízos causados pela lava jato.

LEIA TAMBÉM
Nora de Miriam Leitão vai chefiar comunicação de Sérgio Moro no Ministério da Justiça

Os minoritários escolheram Roterdã, na Holanda, como foro para processar a companhia brasileira pelos prejuízos causados com a desvalorização de ações da empresa após a primeira fase da operação lava jato, em setembro de 2014.

A indenização está sendo proposta pela Stichting Petrobras Compensation Foundation, criada especificamente pelos minoritários para disputar com a Petrobras.

O PT já avisou antes que futuramente irá cobrar com juros e correção monetária o prejuízo de Moro, o futuro ministro da Justiça.

Compartilhe agora!