Por Esmael Morais

Médicos cubanos deixam o Brasil até 12 de dezembro

Publicado em 22/11/2018

A partir desta quinta-feira, 22, mais cinco voos partirão do Brasil com destino à Cuba levando os profissionais que estavam atuando no programa Mais Médicos. A informação foi divulgada pela Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), responsável pela intermediação do convênio entre os dois países.

LEIA TAMBÉM:
Menos Médicos de Bolsonaro gera caos na saúde brasileira

Os primeiros 196 médicos chegaram no aeroporto de Havana, na madrugada do último dia 15, menos de 24 horas após o anúncio do encerramento da parceria com o programa Mais Médicos.

Segundo a Organização Pan-Americana de Saúde, todos os 8 mil médicos cubanos devem deixar o Brasil até o dia 12 de dezembro.

O governo cubano decidiu deixar de participar do programa Mais Médicos por causa de declarações “ameaçadoras e depreciativas” do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).