Marina Silva: Roberto Castello Branco na Petrobras é parte do Plano Guedes de privatização da empresa

Marina Silva, candidata da Rede derrotada no primeiro turno nas últimas eleições presidenciais, afirmou nesta segunda-feira (19) que a indicação de Roberto Castello Branco para presidir a Petrobrás “é parte do ‘Plano Guedes’ de privatização da empresa”.

LEIA TAMBÉM:
Paulo Guedes indica Castello Branco para a Petrobras; modelo de reajuste nos combustíveis em xeque

“Roberto Castello Branco na presidência da Petrobrás é parte do “Plano Guedes” de privatização da empresa, contrariando a expectativa dos brasileiros de valorização e gestão técnica e eficiente desse patrimônio que deve estar a serviço dos interesses do país”, escreveu Marina numa rede social.

O futuro ministro da Economia de Jair Bolsonaro (PSL), Paulo Guedes, tem declarado ser a favor de privatizar “todas” as empresas estatais.

Petrobras, Caixa, Banco do Brasil e Correios são alguns exemplos de empresas públicas que estão na mira do futuro ministro da Economia.

Comentários encerrados.