Por Esmael Morais

Mais Médicos: Ministério da Saúde corre para minimizar estrago causado por Bolsonaro

Publicado em 19/11/2018

O ministro da Saúde do ilegítimo Temer, Gilberto Occhi, prometeu a publicação de um novo edital para o Mais Médicos já nesta terça-feira (20). Segundo ele, o edital terá 8,5 mil vagas todas com a indicação da cidade em que o profissional deverá trabalhar.

Neste edital, só poderão participar médicos formados no Brasil.

LEIA MAIS: Em carta aberta a Bolsonaro, médico cubano pede “respeito”

“Amanhã esse edital estará publicado no ‘Diário Oficial da União’, inclusive com a vaga de todos os municípios brasileiros, sejam vagas urbanas ou rurais ou distritos indígenas.”

“Queremos algo em torno de 8,5 mil vagas, que serão disponibilizadas para médicos brasileiros e estrangeiros formados no Brasil, com CRM, conforme prevê a lei”, afirmou o ministro.

Na próxima semana, deverá sair um novo edital com as vagas que não forem preenchidas. Nele serão aceitos médicos formados no exterior.

Segundo o ministro, os cubanos que quiserem ficar no país poderão participar.

LEIA TAMBÉM: Prefeitos pressionam Temer pela permanência dos cubanos no Mais Médicos

Com informações do G1.