Joesley Batista e vice-governador de Minas são presos pela lava jato

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

A lava jato prendeu na manhã desta sexta (9) o açougueiro Joesley Batista, dono da JBS, e o vice-governador de Minas Gerais Antonio Andrade (MDB).

A Polícia Federal cumpre 13 mandados de prisão e 63 de busca e apreensão. Dentre os presos, também, está Ricardo Saud, executivo da JBS.

Os mandados têm relação com a delação de Lúcio Funaro, operador do MDB, acerca de corrupção no Ministério da Agricultura.

Comentários encerrados.