Já que Moro ficou bonzinho, Cunha quer pagar multa com propina de contas na Suíça

Para aproveitar que o juiz Sérgio Moro está “revendo” seu conceito de justiça, o ex-deputado Eduardo Cunha pediu para pagar uma multa de US$ 1,5 milhão para a Justiça com dinheiro bloqueado de contas na Suíça.

Segundo a acusação, Cunha recebeu propinas resultantes de negociatas na Petrobas que lhe renderam a pena mais de 14 anos de prisão.

Agora, a sua defesa quer repatriar o dinheiro e usar parte dele para pagar a multa que faz parte de sua pena.

Já que Sérgio Moro mudou de ideia sobre a gravidade do uso de Caixa 2, aliviando a barra do Onyx Lorenzoni, e do próprio Bolsonaro; Cunha resolveu tentar a sorte.

Lorenzoni foi escolhido como o futuro ministro-chefe da Casa Civil. Apesar dele ser réu confesso por caixa 2, Moro levou “na boa”. “Ele já admitiu e pediu desculpas”, disse o quase ex-juiz.

LEIA TAMBÉM

Lula: Moro cometeu vários crimes e por isso virou ministro de Bolsonaro

Comentários encerrados.