Fachin pede opinião da PGR sobre liberdade de Lula (como se ele já não soubesse)

Publicado em 20 novembro, 2018

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Luiz Edson Fachin, pediu parecer da Procuradoria-Geral da República (PGR) sobre o novo pedido de habeas corpus para Lula.

O pedido foi feito nesta terça-feira (20) e faz parte do rito do Judiciário, pois ninguém tem dúvida de como irá se pronunciar a procuradora-geral Raquel Dodge.

.

Fachin afirmou que pretende enviar o pedido de liberdade para julgamento na 2a Turma do STF ainda neste ano.

LEIA TAMBÉM: Defesa de Lula pede habeas corpus baseado na motivação política da condenação por Moro

O habeas corpus baseia-se na relação do juiz Sérgio Moro com membros da campanha de Jair Bolsonaro (PSL).

.

A ida do juiz para o ministério de presidente eleito não deixou dúvidas sobre as reais intenções do magistrado que condenou Lula.

A defesa do ex-presidente pede que o STF conceda uma liminar pela libertação do ex-presidente e declare a nulidade de todas as ações penais contra ele sob a condução de Moro.

O ministro Fachin também já solicitou que as demais instâncias (STJ, TRF-4, e Justiça Federal de Curitiba) enviem informações sobre o processo de Lula.

.

Quando todos responderem, ele deverá emitir seu voto como relator e enviar o pedido para a 2a turma julgar a liberdade de Lula.

LEIA TAMBÉM: Prisão de Lula garantiu emprego para Moro no governo Bolsonaro