Por Esmael Morais

Bolsonaro confirma visita de assessor de Donald Trump

Publicado em 23/11/2018


O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) confirmou na manhã desta sexta-feira (23), pelo Twitter, que receberá a visita do assessor de segurança nacional dos Estados Unidos, John Bolton, na semana que vem. O encontro deve acontecer no próximo dia 29 de novembro.

“Feliz de receber a visita do Conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Sr. @AmbJohnBolton, na próxima semana. Certamente teremos uma conversa produtiva e positiva em prol de nossas nações. Bom dia a todos!”, escreveu Bolsonaro no Twitter.

Bolton disse na última quarta-feira (21) que está ansioso para ver Bolsonaro e que compartilha com ele “muitos interesses’.

“Estamos ansiosos para ver o próximo presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, no Rio, em 29 de novembro. Compartilhamos muitos interesses bilaterais e trabalharemos de perto para expandir a liberdade e a prosperidade em todo o hemisfério ocidental”, escreveu assessor do presidente americano Donald Trump.

Com suas críticas à China, União Europeia e Mercosul, o futuro governo Bolsonaro parece disposto a se submeter totalmente aos interesses dos Estados Unidos.

O presidente eleito pretende alinhar as posições do Brasil automaticamente com as dos Estados Unidos sem se importar com as relações construídas ao logo dos tempos com outros países.

Na prática, Bolsonaro prepara um papel ridículo para o Brasil: virar uma espécie de “pau mandado” do país americano na região.