Por Esmael Morais

Bolsonaro confirma Guilherme Schelb para o ministério da Educação “sem partido”

Publicado em 22/11/2018

O procurador Guilherme Schelb foi confirmado pelo presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) como “cotado” para assumir o ministério da Educação. Schelb é defensor do projeto de mordaça chamado “escola sem partido” e agrada a bancada evangélica.

Bolsonaro reiterou que a educação escolar deve ser destinada a ensinar disciplinas e que temas relativos a questões de gênero devem ser abordadas pela família.

“Quem ensina sexo para criança é papai e mamãe”, afirmou o presidente eleito, após reunião no Comando da Marinha.

“Escola é lugar de se aprender física, matemática, química e fazer com que no futuro tenhamos um bom empregado, um bom patrão e um bom liberal. Esse é o objetivo da educação.”

Ao mencionar a relevância do Ministério da Educação, Bolsonaro destacou sua preocupação. “É um ministério importantíssimo porque o futuro do Brasil passa por ali.”

LEIA TAMBÉM
Escola sem Partido bate na trave pela 5ª vez na Câmara

Bolsonaro confirmou que conversará ainda hoje (22) com Guilherme Schelb.

Com informações da Agência Brasil.