Bolsonaro coloca Brasil na rota de terroristas

Publicado em 27 novembro, 2018
Compartilhe agora!

O presidente eleito Jair Bolsonaro irá transferir a embaixada brasileira em Israel de Tel Aviv para Jerusalém. A confirmação veio do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do ‘Coiso’.

Além de perder amplos mercados nos países árabes, o Brasil ainda será colocado na rota do terrorismo fundamentalista, haja vista que Jerusalém é sagrada para muçulmanos e cristãos.

LEIA TAMBÉM
Bolsonaro vai inaugurar a República Militar do Brasil

“A questão não é perguntar se vai, a questão é perguntar quando será”, disse hoje Eduardo, após tratar o tema com Jared Kushner, conselheiro-sênior da Casa Branca e genro de Donald Trump.

De acordo com Câmara de Comércio Árabe Brasileira, o Brasil exportou US$ 13,4 bilhões para países árabes em 2017, com um superávit de US$ 2,98 bilhões.

O filho de Bolsonaro parece ter se alinhado ao discurso anti-Irã de Trump ao afirmar que os árabes veem com muito perigo os iranianos — que são persas — no Oriente Médio.

Resumo da ópera: vai dar merda.

Compartilhe agora!